OPINANDO

29/01/2020 06:57

E os vices em Valença? Quem serão? Vamos falar sobre esta extinta espécie?

Em Valença, no Baixo Sul, a corrida eleitoral já esta articulada, muitos se virando como podem. Tem até candidato já requerendo as forças dos orixás para se melhorar um pouco mais em pesquisas, tem empresário que já investiu mais de R$90 mil em pesquisas (virou vício, toda semana faz uma), há até quem diga que depois da pesquisa ofertada gratuitamente pela Agência Abrange em dezembro de 2019 as coisas mudaram e mais avaliações ocorreram.

Tem se visto de tudo neste momento, além dos pré-candidatos começarem em sua maioria com desgastes devido ao “não” dado a alguns apoiadores – que buscam valorização, se é que me entendem.

Mas e os vices? Aonde estão?

Só Marcelo Borges até agora que se colocou a disposição da vice de Jairo Baptista (PP), se bem que sabe que na frente dele tem Medrado e possivelmente o filho de uma ex-autoridade de Valença. Depois os demais estão no famoso Festival Oba-oba, alguns até pleiteiam a vaga de vice, mas tem se incinerado com algumas atitudes imprudentes.

Joailton (Avante) já disse que não será vice. Confessou-me que se presta para ser vice, serve para ser prefeito também!

Jucélia (Podemos) acordou depois do “doril”, e esta turbinada atrás de lideranças. Dizem que a “boneca valenciana”, acorda as 6 da manhã e dorme na madrugada seguinte coptando.

Lorena Mercês (Republicanos) esta no começo da carreira de pré. Fazendo pesquisa/enquete via whatsapp, sem nenhuma teoria científica, o que pode a ela dar um resultado errôneo da sua posição no ranking. Mas coloca-se a disposição, e ao que parece esta na sombrinha de Raimundo Costa (PL), deputado-federal “pai”, dos “prés”. Confessou in off a um amigo que aceitaria uma vice desde que pudesse ter voz na gestão, caso ocorra vitória!

Ricardo Moura (PSD) sinaliza querer Maria Helena (Sem Partido) para sua vice, já que a indicação do empresário Ramiro Campelo traria investimento para sua trajetória. Helena que ainda não assumiu cargo no governo municipal, mas aguarda alforria do Estado para ir a campo, trabalhar pela Cultura.

Adailton Francisco (PT) vive dilema dentro do partido, soube até que a mudança de partido deve mesmo se tornar realidade em breve. O PSB seria o destino do garoto!

Eduardo Monteiro – o Duda (PDT) demonstra sinais de namoro com o PT, e traria Salete Lucena, da APLB, ou o próprio ex-sindicalista para sua chapa.

Ademir Costa (PC do B), pouco se dirige a imprensa em geral, seleciona aonde irá aparecer, o que não faz o mesmo ser visto por todos os públicos, tem, somente até agora, comprovado que o Projeto  do governo do estado, Costa a Costa, da Secretaria do Trabalho, Emprego e Renda virá a Valença por seu pedido, embora tenha sido Ricardo o assinante do convênio.  Mas não sinaliza se quer uma vice ou se vai até o final!

Zé da Hora (PSDB) segue como candidato, só não achou o vice ainda porque se lateraliza com seu grupo e não vai ao centro ver “gente”, para atrair à sua chapa.

Enfim! Até março muita água vai rolar, mas enquanto o ano (eleitoral) ainda não começou oficialmente, aproveitamos e vamos opinando, analisando e conjecturando acerca dos possíveis próximos capítulos.


ItaipavaRico empresalogsiteBanner 340x250
522x380
522x380

Contato

Livre Notícias é um site de notícias gerais do Baixo Sul, Recôncavo e capital baiana. Voltado para a imparcialidade em todos os fatos, nos envolvemos na sociedade baiana com um modo diferenciado de fazer jornalismo. Livre Notícias, aqui, a verdade! Jornalista Responsável: Wellingthon Anunpciação / MTB - 0005897

© 2016 Livre Notícias Valença-BA